PAGINA PRINCIPAL
BIOGRAFIA
TEXTOS
LIVROS
CONTATO

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

NECESSÁRIO ACROBAT READER
SE VOCÊ NÃO TIVER ESSE PROGRAMA NO SEU COMPUTADOR, CLIQUE AQUI
AGORA GRÁTIS, CLIQUE AQUI

Há cerca de 7 meses iniciei o meu primeiro livro: “O Despertar de Uma Alma”.
Foram 20h de escrita e o livro já estava pronto. Simples assim! rs

Digo para todos que fui o escritor, mas não o autor.

É a estória (ou história, até hoje não sei) de um menino, Carlinhos, que morava numa fazenda, numa cidade do interior de SP, que quando seus pais morreram veio para a capital onde sofreu muito (mas muito mesmo!), inclusive se envolvendo com a criminalidade até ser preso na FEBEM (internato para crianças infratoras).

Em determinado momento houve dois caminhos irretornáveis, a saber: o caminhos das “trevas” e o caminhos “da Luz”. Felizmente ele foi resgatado e seguiu o segundo.

Foi muito interessante escrever esse livro. Imagine você ouvindo uma história... Foi assim que aconteceu. Eu não sabia o que ia acontecer no parágrafo seguinte, na página seguinte ou no capítulo seguinte.

A surpresa, no aspecto literário, foi ver questões levantadas no primeiro capítulo sendo resolvidas no último.

Você também terá surpresas ao lê-lo.

É um livro denso. Forte. Você vai se emocionar. Prepare-se!

Quando terminei a estória (ou história, realmente não sei qual ao certo) achei que o livro estava terminado; ledo engano!

Havia ainda a última parte chamada de “A Mensagem”. Descobri depois de escrever esta última parte que ela é o que há de mais importante no livro todo. O romance é somente um preparo para esta última parte.

O livro procura ser de leitura fácil, rápida e popular. Talvez para chegar ao maior número de pessoas.

E é este mesmo, “chegar ao maior número de pessoas”, o motivo pelo qual tomei uma decisão.

Quando terminei o livro não sabia o que fazer ao certo. Se iria divulgá-lo pela internet (free), ou iria editá-lo e distribui-lo free ou vender.

Resolvi imprimir 100 cópias o que me custou cerca de R$ 1.000,00. Vendi cerca de 60 a R$ 20,00 para amigos e o restante dei para editoras ou doei para entidades.

Mas, ainda não sabia o que fazer com o romance. Talvez devesse procurar uma grande editora que tivesse interesse em publicá-lo (procurei algumas que só queriam dinheiro mas não mostraram nenhum interesse pela proposta) ou liberá-lo na internet.

Contudo, depois deste final de semana que tive um momento “Livre”*, resolvi liberar sua divulgação pela internet para que qualquer pessoa, e um número muito maior, possa ler este romance.

Você ajudaria muito se, além de lê-lo, é claro, também divulgasse para seus amigos.

Vamos fortalecer a corrente do bem!









* o momento "Livre" foi "A Maneira Arita de Ser Feliz".